A surpreendente verdade que nunca te contaram sobre o Rapport.

Sem tempo para ler? Clique no player e ouça o que tem de mais atualizado sobre Rapport:

Se você pudesse fazer com que as pessoas gostassem mais de você, como seria?

E se você pudesse fazer mais amigos com facilidade?

Se existisse uma ferramenta que aumentasse sua influência ao ponto de começar a ver mais vendas fechadas com sucesso, e fizesse com que as pessoas acreditassem em você, como seria?

O que? Acha difícil? Então vou melhorar mais.

Preparado?

E se apenas fazendo duas perguntas simples, você pudesse ter esses resultados e muito mais?

Rapport é uma palavra de origem francesa (rapporter) que significa “trazer de volta” ou “criar uma relação”.

Ensinada nos cursos de PNL como ferramenta para criar empatia e confiança entre as pessoas, quando bem aplicada, resultados maravilhosos acontecem na sua frente.

Com o desenvolvimento da PNL ao longo dos anos, alcançar esses resultados, passou a ser algo ainda mais simples. Mas apenas quem continuou uma atualização constante sabem o que há de novo.

No Brasil, a maioria dos cursos de desenvolvimento pessoal ainda ensina a forma antiga de praticar Rapport.

É justamente essa habilidade e o novo modo de aplicar, na prática, que vou mostrar aqui, nesse artigo.

Ficou curioso(a)? Então continue lendo

 

 

Vendedores de sucesso, políticos e influenciadores usam Rapport para criar uma conexão de confiança e sentimentos positivos com qualquer pessoa.

Se você já fez algum curso ou “workshop” sobre Coaching, PNL ou Hipnose, provavelmente já ouviu a palavra Rapport.

Se ainda não conhece, tudo bem!

Vai aprender aqui, nesse artigo, o modo mais fácil, atual e igualmente poderoso de praticar Rapport.

Como qualquer tecnologia humana, a PNL continuou seu progresso devido à constante evolução de Richard Bandler (co-criador da PNL), fazendo com que muitas técnicas ou a forma como são praticadas, ficassem obsoletas.

Abaixo, vou mostrar a forma ultrapassada de praticar Rapport e como ainda é ensinada nos cursos de desenvolvimento pessoal que não se atualizaram.

 

Se você nunca ouviu falar sobre Rapport, sinta-se à vontade para pular diretamente para parte onde ensino o modo mais fácil e atual.

 

A PRÁTICA ULTRAPASSADA.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Este processo consiste em você espelhar os comportamentos de outra pessoa (respiração, gestos, voz…) por alguns minutos e depois alterar o seu comportamento, se a pessoa mudar os dela também te acompanhando, o Rapport foi bem estabelecido resultando em um vínculo de confiança e empatia entre vocês.

Se você aprendeu dessa forma, pratica e vê resultados, é porque aprendeu certo: a técnica sempre funcionou e continua funcionando.

Mas se você pensa como eu e prefere o modo mais simples e fácil de alcançar um objetivo desejado, então veja abaixo que apenas fazendo duas perguntas a si mesmo, terá os mesmos resultados sensacionais de um Rapport bem aplicado.

 

O MODO ATUAL DE PRATICAR RAPPORT: O PODER DAS PERGUNTAS

“Aquele que faz perguntas não pode evitar as respostas.” – PROVÉRBIO DA REPÚBLICA DE CAMARÕES

 

Pense nas pessoas com quem tem maior afinidade natural. O que você tem de igual a elas?

  • Mora na mesma cidade, bairro, casa…?

  • Idade similar?

  • Gostos?

  • Situação financeira?

  • Amigos em comum?

Pense nelas novamente. O que você mais admira nessas pessoas?

  • Resultados?

  • Carisma?

  • Como se sente quando está perto delas?

Simples, ou não. Aposto que você tem bastante admiração e coisas em comum com ela.

Em um processo natural você e essas pessoas se deram muito bem por vários fatores.

O mais empolgante é que esse processo pode ser repetido, e até mesmo otimizado, com qualquer outra pessoa e em qualquer outra situação.

Como?

Usando as mesmas duas perguntas que te fiz no início desta parte do artigo:

O que tenho de igual a essa (pessoa)?

O que admiro nessa (pessoa)?.

As respostas podem ser as mais simples possíveis. Vocês estão no mesmo local?  Tem gostos iguais?…

Não importa qual seja a resposta, desde que, seja algo em comum e que você admire.

Além de ser mais fácil que o modo ultrapassado, é mais útil e prático, porque a finalidade do Rapport é criar um vínculo de confiança e empatia, e não influenciar o padrão de respiração ou os gestos de outra pessoa como era praticado anteriormente.

Essas perguntas vão mudar seus pensamentos, que consequentemente vão mudar o seu estado emocional.

Então, como a correnteza de um rio, naturalmente o Rapport vai acontecer.

Os relacionamentos com as outras pessoas vão melhorar, você vai vender mais, ver mais amigos e as pessoas vão sentir vontade de ficar perto de você.

Simples? Claro. Eficaz? Com toda certeza.”

 

PRÁTICA, PRÁTICA E PRÁTICA

“Se quiser compreender, aja.” – Pressuposto da PNL
 

Chegou o momento mais importante. Prática!

Faça um teste agora, pense em alguém com quem não tem muita afinidade e faça essas perguntas a si mesmo.

Como se sente?

Quando estiver perto de pessoas com as quais tem vontade de melhorar o relacionamento, faça essas perguntas a si mesmo algumas vezes.

Você vai reparar que em minutos, a conversa vai estar melhor. A postura, voz e até mesmo a vossa respiração estará parecida.

Faça o teste!

Hoje existem formas mais fáceis e mais inteligente de praticar. Essa é a verdade sobre o Rapport que nunca te contaram. Espero que tenha sido útil para você.

Se esse artigo ajudou, por favor, compartilhe-o com seus amigos. Desse modo, todos saímos ganhando.